Esporte em São Paulo – programa de governo de João Dória

0
956

As eleições em São Paulo foram concluídas, com alguma surpresa, já no 1º turno. Dessa vez ninguém questionou as urnas eletrônicas, talvez por conta do candidato que ganhou ser de oposição, ainda que se coloque como não político(?!). Como costumeiramente por aqui, vale conhecer o que diz seu programa de governo em relação a esporte.

Esporte e lazer
• Ampliar e melhorar o esporte nas escolas públicas municipais, dotando-as de recursos humanos e materiais para a prática poliesportiva como componente curricular.
• Ampliar obras de infraestrutura, contemplar convênios com Clubes da Comunidade e outros equipamentos municipais tais como parques e centros esportivos;
• Ampliar a oferta esportiva no contra turno escolar e no período de férias escolares;
• Ampliar o acesso à atividade física e esportiva gratuita e monitorada para a população, observando-se as particularidades de faixas etárias, de gênero e deficiência empregando recursos humanos com preparo e em quantidade suficiente para atendimento de boa qualidade;
• Estimular a auto-gestão por associações civis de praças e parques com a finalidade de desburocratizar e promover o uso responsável, fiscalização e interlocução com as Prefeituras Regionais;
• Desenvolver, com ampla participação da sociedade e de um conselho municipal que englobe todas as secretarias um novo plano municipal de esporte, propostas de ações e programas integrados; acompanhamento dos indicadores e alcance das metas de resultado; articulação de programas e projetos relacionados ao esporte; assegurando sua execução e continuidade.

Fonte: https://joaodoria.com.br/wp-content/uploads/2016/09/PG_JoaoDoria.pdf
DoriaFutebol
Comentários do BFA
Vale destacar inicialmente que o documento tem o nome de Programa de Governo e não de Plano de Governo. Apesar de parecer pouco importante, a diferença é clara, uma vez que um “plano” deveria conter informações mais específicas, metas claras e descrições detalhadas sobre o que se intenciona fazer. Chamar de “programa” permite ao então candidato, agora novo prefeito, João Dória, apenas indicar apenas os rumos e intenções, de maneira mais genérica. O conteúdo é isso mesmo, uma “carta de intenções”

Dos seis itens elencados, quatro começam com “Ampliar” (obras, acessos, atividades, oferta) o que já está em funcionamento. Um aspecto positivo são as menções à participação da sociedade, de um conselho municipal e de associações civis de praças e parques.

Genérico demais, não dá pra ter uma ideia concreta do que será feito na área do Esporte.