Brasil, chega de dar bola fora

0
555

A proximidade da Copa do Mundo e a perspectiva de que os protestos voltem, ou se acirrem, já que nunca cessaram totalmente, tem gerado um clima de incertezas. Nesse contexto, a Anistia Internacional lançou uma campanha para garantir o direito de realização de protestos durante o evento e contra a criminalização dos manifestantes.

Autoridades do governo brasileiro tem dado declarações de que esse direito está garantido e que os “excessos” por parte dos manifestantes não serão contidos com violência pelo Estado. O pleito dos manifestantes é também no sentido de que os direitos humanos não sejam violados em função dos grandes eventos e que sejam julgados e punidos quaisquer abusos cometidos pelos agentes de segurança pública.
AnistiaYellowCard
O caminho óbvio, e mais adequado, seriam os protestos e manifestações ocorrerem livremente, desde que sem violência e com alguma organização prévia, sem violar também os direitos dos demais cidadãos. Infelizmente estamos longe dessa consciência.

Para participar, deixando sua assinatura de apoio, acesse https://www.aiyellowcard.org/br