Campeões e Vices de 62 no Memorial da América Latina

0
467

O Ministério do Esporte promove de 25 de junho a 8 de julho, no Memorial da América Latina, em São Paulo, a exposição “Cinquentenário da Copa do Mundo de 1962”. A solenidade de abertura do evento será realizada na próxima segunda-feira (25.06), às 10h, no auditório Simón Bolívar, com a presença do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e de ex-jogadores brasileiros e tchecos que disputaram a final (vencida pelo Brasil por 3 a 1), além de autoridades e convidados. Na ocasião, o Ministério do Esporte vai lançar livro comemorativo do bicampeonato na Copa do Mundo do Chile.

A exposição, que será aberta ao público a partir da terça-feira (26.06), das 9h às 18h, contará com painéis de fotos de quatro metros de altura com momentos históricos de todos os jogos do Brasil na Copa do Chile, textos e súmulas das partidas, camisas de jogadores e material da época. Outros destaques do evento serão a exibição da taça Jules Rimet e a veiculação do vídeo completo da final de 1962, cedido pela embaixada da República Tcheca, além de imagens de gols e bastidores da seleção brasileira, cedidas pela Fundação Padre Anchieta.

Os jogadores brasileiros homenageados são Pelé, Pepe, Zagallo, Zito, Altair, Amarildo, Bellini, Coutinho, Djalma Santos, Gilmar, Jair da Costa, Jair Marinho, Mengálvio e Nílton Santos. Os tchecos são Josef Masopust, Jiří Tichý, Josef Jelínek, Václav Mašek e Jozef Štibrányi.

Placas e livro
Os jogadores que estiveram nas delegações de Brasil e Tchecoslováquia na Copa de 1962 receberão placas comemorativas. O Ministério do Esporte lançará, durante a abertura da exposição, o livro “Chile 62 – 50 anos”, uma edição comemorativa do Mundial de 1962. A publicação terá versões em português, inglês, espanhol e tcheco.

Fonte: Ministério do Esporte