O jogo dos gols contra

0
603

O fato inusitado (ou seria ridículo?) aconteceu na partida Barbados x Granada, válida pela Copa das Nações do Caribe do ano de 1994, disputada em Trinidad e Tobago. Pela primeira fase do torneio, haveria um triangular entre as seleções de Barbados, Granada e Porto Rico para definir quem seria classificado. Até o momento da partida, Porto Rico já estava eliminado e a pontuação era:

Granada: 3 pontos / Saldo de gols: +1
Porto Rico: 3 pontos / Saldo de gols: -1
Barbados: 0 pontos / Saldo de gols: -1

Assim, Granada precisaria apenas do empate, enquanto Barbados precisava de uma vitória por dois gols para empatar em pontos e reverter o saldo de gols. O regulamento dizia que as partidas que terminassem empatadas seriam decididas na prorrogação pelo sistema de Gol de Ouro (quando um gol de qualquer time encerra a disputa), o que é comum. No entanto, por conta desses regulamentos sensacionais que são criados por aí, um item modificou toda a lógica que diz que os times devem entrar em campo buscando a vitória; esse gol de ouro valeria por dois.

Segue o jogo e faltando cinco minutos para o final, Barbados vencia por 2 x 1, o que era insuficiente para se classificar. Em função do regulamento, ainda que em atitude antidesportiva, Barbados entendeu que valia mais a pena empatar para ter direito aos 30 minutos da prorrogação (quando um gol valeria por dois e lhe daria a classificação) do que tentar fazer mais um nos cinco minutos que sobravam. Logo, fez um gol contra.

Com todos atônitos, foi a vez de Granada entender que o 2 x 2 levava a prorrogação (e ao futuro incerto), enquanto que uma derrota por 3 x 2 já classificaria o time. Dessa forma, tentou fazer um gol contra, mas (essa parte é incrível) o time de Barbados foi pra sua área de ataque tentar impedir Granada de fazer um gol contra.

Pare tudo e entenda a situação: por alguns instantes, um time tentava fazer um gol contra os eu próprio goleiro e, o que torna tudo mais bizarro, o time adversário tentava impedir que isso acontecesse. É quase como se tivessem invertido os lados do campo. Surreal!!!

Essa situação absurda (como o futebol imita / representa a vida!!!) transcorreu até o final do jogo. Na prorrogação, Barbados fez o gol de ouro e teve sua estratégia premiada. No vídeo, você vê o gol de Granada diminuindo o resultado para 2 x 1, o gol contra de Barbados que levou o jogo para a prorrogação e o gol da vitória barbadiana.