1º de Abril

0
555

Regulamentos e tabelas nunca foram o forte dos nossos dirigentes. Dos dirigentes de lugar nenhum do mundo, mas os nossos se esmeram na arte de fazer coisas esquisitas. José Roberto Torero tinha toda razão quando criou Tico, supervisor de planejamento avançado de tabelas da CBF e Teco, diretor adjunto de regulamentos e afins.

De modo geral, sempre há crítica quando um time tem pouco tempo de descanso entre um jogo e outro. Muitas vezes, jogos são remarcados, mas um certo dia em 1994… o São Paulo teve que jogar duas partidas no mesmo dia. Pela Copa Conmebol, o adversário era o Sporting Cristal -PER e pelo Campeonato Brasileiro, o Grêmio. O mais impressionante é que Juninho Paulista participou dos dois jogos. O tricolor venceu ambos por 3 x 1 e tanto o time como o craque entraram para a história pelo feito.

Provavelmente pensando em quebrar recordes, nossos dirigentes já deram um jeito disso ser superado. Conto essa história em breve.

Parece mentira, mas não é!