Borracho, yo voy cantando

0
708

Democraticamente, depois do samba, do rock e do pop, chegou a vez da cumbia aqui no Futebol-Arte. Será que qualquer ritmo pode se relacionar com o futebol? Agora, sem preconceitos, o vídeo mostra a razão da imediata identificação de Carlitos Tevez com o Corinthians, uma vez que o craque argentino era agenciador de um grupo de cumbia e comemorava seus gols dançando esse ritmo latino.

COMPARTILHAR
Post anteriorPra Frente Brasil
Próximo postPoster da Copa de 50
Ricardo Roca
Formado em Comunicação Social e pós-graduado em Administração de Empresas, ambos os cursos pela ESPM, atualmente cursando mestrado em Linguística. Professor universitário, sócio da Roda Fiandeira, consultor nas áreas de comunicação e marketing e apaixonado por futebol e arte.