Seis volantes e nenhuma direção

0
411

Volante é uma posição do futebol em que o jogador atua à frente dos zagueiros e cuja principal responsabilidade é proteger a defesa e tirar a bola dos adversários. O Palmeiras hoje jogou contra o Atlético Mineiro com seis volantes: Pierre, Marcos Assunção, Edinho, Márcio Araújo, Rivaldo e, depois, Tinga. É verdade que alguns deles exerceram funções diferentes, jogando na lateral ou até mesmo Tinga, que tem mais habilidade, e sempre atua um pouco mais a frente, quase como um meia. Mesmo assim, são seis volantes!!!

Cresci em um tempo em que o esquema tático vigente era o 4-3-3, isto é, quatro defensores, três no meio de campo e três atacantes. Um dos melhores times que vi jogar, o Flamengo do começo dos anos 80, tinha em seu meio de campo Andrade, Adílio e Zico. O único volante era Andrade, craque, que foi campeão brasileiro como técnico do próprio Flamengo, em 2009. Era mais do que suficiente.

Pois apesar da enorme quantidade de volantes o time simplesmente não tinha (tem) direção alguma. O resultado foi Palmeiras 2 x 1 Atlético MG. A vitória, além de dar os 3 pontos ao Palmeiras, cria uma isenção para a crítica, já que quando o time perde, reclamar é fácil.

Felipão chegou agora, é consagrado, não tem o material humano ideal para a montagem do time e, por isso, não pode ser considerado culpado. Qualquer torcedor gosta quando seu time é guerreiro e os jogadores atuam com raça, mas isso deveria ser o mínimo, o básico. Como já dizia Nelson Rodrigues, sem vontade e disposição o sujeito não consegue nem chupar um Chicabon. Mas depender apenas disso é lamentável, é lembrar o fiasco do time de Dunga na última Copa.

Que jogo chato! O campeonato vai ser longo para os verdes…

COMPARTILHAR
Post anteriorColecionando figurinhas
Próximo postO gol
Ricardo Roca
Formado em Comunicação Social e pós-graduado em Administração de Empresas, ambos os cursos pela ESPM, atualmente cursando mestrado em Linguística. Professor universitário, sócio da Roda Fiandeira, consultor nas áreas de comunicação e marketing e apaixonado por futebol e arte.