Taça Jules Rimet – É nossa!

0
975

No começo do século XX já existiam associações de futebol em vários países e um desejo latente de criar um campeonato mundial de futebol. Com o surgimento da Fédération Internationale de Football Association (FIFA), em 1904, em Paris, esse sonho ganhava força.

É aí que surge Jules Rimet, francês que foi um dos maiores incentivadores de uma Copa do Mundo. A Primeira Guerra, entre 1914 e 18 adiou o sonho, que se realizaria somente em 1930, no Uruguai. No entanto, somente em 1938, como a Copa acontecendo na França, a Taça do Mundo passaria a se chamar Taça Jules Rimet.

Esculpida em ouro pelo artesão francês Abel Lefleur, a taça, com 35 centímetros e 3,8 quilos, exibe uma mulher alada, símbolo da vitória.
Como primeiro país a vencer três vezes (em 58, 62 e 70) a competição, a taça foi entregue em definitivo para o Brasil. Desde então o troféu entregue é a Taça FIFA, de posse transitória para os países campeões.

A parte triste é que em 1983 a taça, que já havia sido roubada e reencontrada em Londres, em 1966, foi roubada da sede da CBF e derretida pelos ladrões. Agora, temos apenas uma réplica.

COMPARTILHAR
Post anteriorFriedenreich – Nosso primeiro craque
Próximo postFrases de Futebol – Bill Shankly
Ricardo Roca
Formado em Comunicação Social e pós-graduado em Administração de Empresas, ambos os cursos pela ESPM, atualmente cursando mestrado em Linguística. Professor universitário, sócio da Roda Fiandeira, consultor nas áreas de comunicação e marketing e apaixonado por futebol e arte.