Costa Rica: A seleção que surpreendeu o mundo em 2014

0
938

E quando seu namorado te sugere assuntos e manja mais que você… Melhor deixar ele escrever. Mais um que entrou pra onda do textinho (rs). La vai a colaboração do meu namorado lindo de bonito, Roger Willian.

2390184_big-lnd (1)

Quando o Grupo D da Copa do Mundo de 2014 foi formado, recebeu o nome de Grupo da Morte e muitos – inclusive este que vos fala – acreditavam que a seleção costariquenha seria um peixinho entre os tubarões Inglaterra, Uruguai e Itália. O time da Costa Rica só havia participado de 3 mundiais e sua melhor campanha foi em 1990, quando foi eliminada nas oitavas de finais por 4 a 1 pela Alemanha, seleção anfitriã. Porém, o “peixinho” surpreendeu e terminou a fase de grupos em primeiro lugar, vencendo as seleções campeãs Uruguai e Itália. Em seu terceiro jogo empatou com a Inglaterra, equipe que já estava de malas prontas para voltar para seu país com a pior campanha do grupo.

Zebra? Não é o que diz o técnico Jorge Luis Pinto. O treinador aposta no preparo e entrosamento da equipe “Todos aqui se conhecem muito bem e estão preparados fisicamente, mentalmente e taticamente”. Seriam estes os fatores que a seleção canarinho precisa para deslanchar nesta copa?

A Costa Rica continua com sua melhor atuação em Copas do Mundo até hoje e irá enfrentar a poderosa Holanda hoje, que é uma das favoritas ao título – embora na Copa do Mundo do Brasil, favoritismo não tem se mostrado muito convincente. Poderá a raça e a categoria dos ticos costariquenhos vencer a técnica e a velocidade da seleção holandesa?

#CostaRicaxHolanda
#centraldofutebol #Copa2014

Roger Willian
Fotógrafo, Professor de Inglês, Biólogo e Futuro Marido da Quezia.
Aficionado por filmes e quadrinhos. Fã de um bom futebol-arte.
Tarja_Quezia